ideia fotografia album gravida 3  30 fotos diferentes para fazer durante a gravidez | Macetes de Mãe  

É um tema polêmico, eu sei.
Infelizmente nossa sociedade está cercada delas!
O meu relato aqui não é baseado somente na Bíblia, mas também em experiências e depoimentos (não documentados) de meus antigos alunos.
Eu prometi continuar a falar sobre família, sua estrutura, importância e nesse post vou continuar.
Quando uma menina, em sua maioria, não só em idade fisiológica mas em idade mental, se relaciona com um rapaz estão buscando características que são ausentes em sua criação, que pode ter sido só por sua mãe, por avós, padrinhos ou pais ausentes.
Certa vez li uma pesquisa que apontava que filhos, em especial as meninas, de mães solteiras tentem a serem também.

Entre as mães do século passado, 75% acreditavam que uma pessoa só pode ser feliz se constituir família. O percentual de verdade dessa premissa cai para 66% para as mães da nova geração.

Infelizmente a ideia de família está sendo esquecida, apagada da nossa sociedade.
A ideia que só a mãe tem condições para sustentar financeiramente, cuidar da educação escolar, oferecer amor, cuidar da saúde, oferecer a educação particular (bons modos), brincar, entre outros, já é passado. As mães solteiras da atualidade sabem muito bem o grau de dificuldade, privações e escolhas que precisam fazer.
Em uma conversa aberta com meus alunos (na época em que era ainda professora deles), perguntei quantos moravam só com a mãe e uns 90% responderam que sim, os demais moravam com tutores, avós, entre outros, com exceção da ideia de pai + mãe. Muitas das alunas apontavam parte de seu comportamento a ausência do pai, isso que entre estas em sua maioria não conheciam o pai.
Para a criança: Quem já ouviu, leu, assistiu algo sobre o fato de os bebês em período de gestação sentir, ouvir, o que está fora. Saber dos sentimentos da mãe? Pois tudo isso é verdade, então o que o bebê já nascido, criança presencia também o afeta, mesmo que este não entenda o que se passa ao seu redor, ele entende. Agora imagine sua mãe estressada, agoniada em ter de contar ao seus avós sobre a gestação, sobre a paternidade, a dúvida do seu pai sobre se você é ou não filho dele, exames de DNA para provar que é, idas até a presença de um juiz e isso tudo ao final se resume a algumas idas a casa do seu pai e uma pensão calculada a partir de suas necessidades e do que seus pai recebe em sua profissão.
Que papel esse pai está exercendo? 
Em uma união de pai + mãe há um equilíbrio, um complementa o outro e juntos conseguem sanar todas as necessidades que aquele serzinho tem. 

mãe e filha Ensaio Mãe e Filhos Fotografia

 Tal mãe, tal filha: 21 Fotos adoráveis de mães e filhas que são super parecidas  Stylish mother & doughter Fotografia de stock: Mother and daughter at party

Fotografia  Fotografia  Fotografia

Abraão tinha a promessa vindo do próprio Deus de que dele descenderiam tantos que nem os grãos de areia e nem as estrelas no céu contabilizavam todos.
Sara duvidou, pois pensava que devido a sua idade não tinha condições de gerar uma criança, faltou-lhe fé.
Sara pediu que Abraão se deitasse com uma de suas servas, ele aceitou e dessa relação nasce Ismael. 
Mais tarde a promessa de Deus se cumpre e Sara concebe um menino, que é chamado Isaque, Ismael é deixado de lado por Sara e por Abraão, com o tempo Sara passa a temer por Isaque é ele quem deve herdar tudo e não Ismael. Então alimenta em Abraão a ideia de mandar Ismael e sua mãe embora e assim é.
De Ismael também descenderam milhares, esse povo hoje é conhecido como muçulmanos.

Dessa história passamos a entender a hereditariedade, bênçãos e maldições, escolhas bem feitas e as mal feitas, as consequências da obediência e das desobediências. Mas essa é uma conversa para um próximo post!

Filhos de mães solteiras sofrem a ausência do pai, a carência dessa figura. A mãe também! Falta equilíbrio e a balança pende para um lado.
Filhos que tiveram ambos, pai e mãe, tem uma perspectiva diferente quanto a relações amorosas e constituição familiar.

Analise.

Ps: Não se trata de um preconceito, não da minha parte, tudo o que exponho aqui é fundamentado em experiências vividas, estudos lidos e bem compreendidos a respeito. Precisamos nos voltar a necessidade de constituição familiar.

Bom, é isso!

Até.

Fontes:

Pinterest


Deixe um comentário