Chega a ser estranho ter um marcador por aqui destinado a esse assunto e ter sido usado raríssimas vezes. Essa é uma área da minha vida que está ainda em condições de inauguração!
     Não me endentam mal, mas priorizei outras áreas e essa ficou esquecida por alguns traumas e falta de espaço na minha vida, mas acontece que agora estou voltando a inclui-lá em meu cotidiano e por isso sempre teremos post's falando a respeito.
     Tenho estudado,  buscado saber mais sobre os alimentos, sobre alimentação, sobre como funciona nossa mente e como ela infere nesse processo e também teremos abordagens desse tipo por aqui!
      A primeira coisa que estraga a maioria das tentativas de vida saudável é a compulsão alimentar!
E aí junto, entra a saúde da mente, pois a maioria das vezes de compulsão é reflexo de alguma emoção aflorada e que indica ansiedade.
     Os picos de compulsão alimentar ocorrem quando a pessoa está muito triste, ou muito nervosa, ou decepcionada, ou ao contrário: está muito feliz.
     Entender como está a sua mente, observando atentamente esses fatores mencionados anteriormente, ajudam a identificar e tratar as compulsões, além de alguns hábitos podem auxiliar no processo.

Eu só penso em comida! Dicas para diminuir a compulsão alimentar - Blog da Mimis - Muitas vezes a ansiedade nos faz cair em sua armadilha, e aí passamos a relacionar comida como felicidade. Quem se identifica? Vejam os sintomas mais comuns da compulsão alimentar e como se livrar dela em 10 passos!:


Vamos colocar a saúde em nossa rotina! O objetivo não é se encaixar nos padrões de beleza impostos, mas ser consciente de que atividades físicas aliadas da alimentação correta e saudável, nos proporcionam qualidade de vida e bem estar.

#Partiu?




Att.


Deixe um comentário